Ambiente e resultados de uma inovação tecnológica forense premiada na Polícia Federal

Conteúdo do artigo principal

Lana Montezano
https://orcid.org/0000-0001-5288-4299
Thiago Mendonça Muniz de Albuquerque
https://orcid.org/0000-0002-5799-1576
José Alysson Dehon Moraes Medeiros
https://orcid.org/0000-0001-8607-3806
Sidney de Oliveira Barbosa
https://orcid.org/0000-0003-1428-8060

Resumo

A pesquisa teve como finalidade descrever o ambiente de uma inovação tecnológica premiada, contemplando o objetivo, os motivos e os desafios enfrentados, bem como os resultados obtidos na atividade da perícia criminal e suas possíveis contribuições para a segurança pública e sociedade. Foi realizado estudo de caso com pesquisa descritiva e abordagem qualitativa, a partir de entrevistas semiestruturadas, realizadas virtualmente, com todos os servidores públicos que participaram do projeto de criação do Módulo de Levantamento de Quantitativos para fins forenses de engenharia legal pelo Setor Técnico Científico na Paraíba da Polícia Federal, premiado no iNOV-PF. Os dados coletados foram submetidos à análise de conteúdo categorial temática. Foram identificados oito motivos que impulsionaram o desenvolvimento da inovação (ex: necessidade de aperfeiçoamento do trabalho;  casuística de obras padronizadas), 17 diferentes desafios para o desenvolvimento da inovação (ex: dificuldade de conciliar demandas do trabalho e esforço extra do desenvolvimento); seis dificuldades no uso (ex: falta de familiaridade com a nova ferramenta); 19 resultados obtidos com o uso da ferramenta (ex: redução de tempo, maior precisão e qualidade no trabalho); nove possíveis contribuições da inovação tecnológica para a segurança pública (ex: diminuição da impunidade dos crimes, ganho social). O artigo contribui em relatar variáveis que influenciaram no desenvolvimento de uma experiência que ganhou um prêmio de inovação em processos organizacionais na Polícia Federal, além dos ganhos obtidos e a possíveis contribuições para segurança pública, demonstrando os efeitos da inovação nos serviços prestados e na geração de valor público. Espera-se que a experiência contribua no fomento ao desenvolvimento de outras inovações no setor público.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Detalhes do artigo

Como Citar
MONTEZANO, L.; ALBUQUERQUE, T. M. M. de; MEDEIROS, J. A. D. M.; BARBOSA , S. de O. . Ambiente e resultados de uma inovação tecnológica forense premiada na Polícia Federal. Revista Brasileira de Ciências Policiais, Brasília, Brasil, v. 14, n. 11, p. 41–70, 2023. DOI: 10.31412/rbcp.v14i11.1029. Disponível em: https://periodicos.pf.gov.br/index.php/RBCP/article/view/1029. Acesso em: 30 nov. 2023.
Seção
Dossiê
Biografia do Autor

Lana Montezano, Instituto Brasileiro de Ensino, Desenvolvimento e Pesquisa (IDP), Brasília-DF, Brasil / Professora

Formada em Administração em 2002 (UniCEUB), com prêmio mérito acadêmico concedido pelo CRA-DF, Especialista em Administração de Recursos Humanos em 2004 (FGV-Núcleo Brasília), Mestra em Estudos Organizacionais e Gestão de Pessoas em 2016 (PPGA - UnB) e Doutora em Administração em 2021 (Área de Inovação e Competências no Setor Público - PPGA/UnB). Possui experiência em Consultoria, Pesquisa e Docência na área de Administração, com ênfase em Gestão de Pessoas, Gestão por Competências, Treinamento e Desenvolvimento, Gestão de Processos, Gestão de Riscos, Gestão de Projetos, Diagnóstico e Estruturação Organizacional. Participou como pesquisadora no Grupo impacto da UnB (de 2011 a 2018) e participa como pesquisadora do Laboratório de Inovação e Estratégia em Governo - LineGov|UnB (desde 2014), do Grupo de Pesquisas em Gestão de Pessoas e Clientes - GP2C/UnB (desde 2018) e do GEDOT/UFMA (desde 2019). Atualmente também atua como vice-coordenadora do LineGOV|UnB. Possui experiência docente em cursos técnico, tecnológico e em MBA, bem como em treinamentos para instituições como FGV, ESAF, IFB e UnB. Atualmente atua como professora do IDP. Líder do tema de Competências e Aprendizagem da Divisão de Gestão de Pessoas e Relações do Trabalho da ANPAD (2021 e Triênio 2022-2024) e do Tema de Gestão de Pessoas no setor público do EBAP (2022)

Thiago Mendonça Muniz de Albuquerque, Polícia Federal, João Pessoa-PB, Brasil / Perito Criminal Federal | Universidade Federal da Paraíba, João Pessoa-PB, Brasil / Doutorando

Graduado em Engenharia Civil pela Universidade Federal de Minas Gerais (2002). Mestre em Engenharia de Estruturas pela Universidade Federal de Pernambuco (2005). Doutorando em Engenharia Mecânica pela Universidade Federal da Paraíba. Perito Criminal Federal na área de Engenharia Civil desde 2006.

José Alysson Dehon Moraes Medeiros, Polícia Federal, João Pessoa-PB, Brasil / Perito Criminal Federal

Graduado em Engenharia Civil pela Universidade Federal da Paraíba (2000). Mestre em Engenharia de Produção pela Universidade Federal da Paraíba (2003). Mestre em Administração pela Fundação Getúlio Vargas (2012). Doutor em ciências e Engenharia de Materiais pela Universidade Federal da Paraíba (2019). Perito Criminal Federal na área de Engenharia Civil desde 2006.

Sidney de Oliveira Barbosa , Polícia Federal, João Pessoa-PB, Brasil / Perito Criminal Federal

Graduado em Engenharia Civil pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Mestre em Engenharia Civil e Ambiental pela Universidade Federal da Paraíba
Perito Criminal Federal na área de Engenharia Civil desde janeiro/2004
Analista do Ministério Público do Estado de Pernambuco na área de Engenharia Civil no período de maio/1997 a janeiro/2003.
Membro do Conselho Consultivo da Agência Estadual de Regulação dos Serviços Públicos Delegados de Pernambuco - ARPE no período de janeiro/2000 a setembro/2003.
Engenheiro Civil da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste - SUDENE, no período de janeiro/1995 a maio/1997.
Engenheiro Civil da Prefeitura Municipal de Natal no período de junho/1989 a 1994

Referências

AHRENS, T.; AL-SEREIDE, A.; AL-SHAEB, H.; RAHMDEL, A. Contextualising the antecedents of organisational innovativeness—a field study of the UAE public sector. Journal of Economics and Administrative Sciences, 2017. DOI: https://doi.org/10.1108/JEAS-01-2017-0002

AL-NOAIMI, H. A.; DURUGBO, C.; AL-JAYYOUSI, O. R. Between dogma and doubt: a meta-synthesis of innovation in the public sector. Australian Journal of Public Administration, p.1-23, 2021.

ANZOLA-ROMÁN, P.; BAYOUNA-SAEZ, C.; GARCIA-MARCO, T. Organizational innovation, internal R&D and externally sourced innovation practices: Effects on technological innovation outcomes. Journal of Business Research, v. 91, p. 233-247, 2018.

Bardin, L. Análise de conteúdo. São Paulo: Edições 70, 2016.

BRANDÃO, S. M.; BRUNO-FARIA, M. F. Inovação no setor público: análise da pro¬dução científica em periódicos nacionais e internacionais da área de administração. Revista de Administração Pública, v. 47, n. 1, p. 227-248, 2013.

Brasil, 2004- Lei n° 10.973 de 02 de Dezembro de 2004- Dispõe sobre incentivos à inovação e à pesquisa científica e tecnológica no ambiente produtivo e dá outras providências. Disponível em < http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2004-2006/2004/lei/l10.973.htm> acessado em 05/08/2022.

CARNEIRO, D. K. O.; RESENDE JUNIOR, P. C. Inovação no processo de compra de medicamentos: Estudo de caso do Ministério da Saúde. Revista do Serviço Público, v. 68, n. 4, p. 835-861, 2017.

CHEN, J.; WALKER, R. M.; SAWHNEY, M. Public service innovation: a typology, Public Management Review, p. 1-22, 2019. DOI: 10.1080/14719037.2019.1645874

CRUZ, S.; PAULINO, S. Public service innovation and evaluation indicators. Journal Technology Management Innovation, v. 8, n. special, 285-297, 2013.

Dittmar, H.; Mrozinski, D. Utilização dos relatórios automatizados de alertas de desmatamento na melhoria do processo investigativo criminal ambiental. Revista Brasileira de Ciências Policiais. v. 13, n. 09, p. 105-130, 2022.

DORBENSTEIN, C.; CHABORNNEAU, E. Experimenting with public sector innovation: Revisiting Gow for the digital era. Canadian Public Administration, v. 63, n. 1, p. 07-33, 2020.

FACHONE, P.; VELHO, L. Ciência Forense: interseção justiça, ciência e tecnologia. Revista Tecnologia e Sociedade, v. 3, n. 4, p. 139-161, 2007.

FLORES, H.; PIRES, D.; CRAUSS, M.; GOMES, V.; SILVEIRA, A.; MORO, F. (2021). A segurança pública brasileira no paradigma do sistema de informação. Revista Ibero-Americana de Humanidades, Ciências e Educação, v. 7, n. 2, p. 1020-1037, 2021.

GOMES, C.; MACHADO, A. Fatores que influenciam a inovação nos serviços públicos o caso da secretaria municipal de saúde de Campina Grande. Caderno de Gestão Pública e Cidadania, v. 23, n. 74, p. 49-70, 2018.

Intranet Polícia Federal: Inov-PF – Um Passo à Frente – Resultado Final (2022). Disponível em: https://pfgovbr.sharepoint.com/sites/intranet/Paginas/Noticias/DCS/2022/2.%20Fevereiro/Resultado-Final-do-1%C2%BA-Concurso-de-Inova%C3%A7%C3%A3o-da-PF.aspx. Acesso em: 08 de ago. de 2022.

Intranet Polícia Federal: Grupo de Engenharia Legal SETEC/PB vence concurso (2022). Disponível em: https://pfgovbr.sharepoint.com/sites/intranet/Paginas/Noticias/PB/2022/Agosto/Grupo-de-Engenharia-Legal-SETECPB-vence-concurso.aspx. Acesso em: 13 de ago. de 2022.

ISIDRO, A. Gestão Pública Inovadora: um guia para a inovação no setor público. Curitiba: CRV, 2018.

JEON, S. Y. The effect of information system utilization and education and training on organizational innovation in public social welfare officers: focused on the moderating effect of organizational trust. Asian Social Work and Policy Review, p. 1-8, 2019.

JIMÉNEZ, J. A. F. La implementación de un sistema automatizado reduce los tiempos de atención em los processos aplicables a la ventanilla única de turismo em la Municipalidad Provincial del Callao. Revista Industrial Data, v. 23, v. 2, p. 31-37, 2020.

KLUM, R.; HOFFMAN, M. Inovação no setor público e evolução dos modelos de administração pública: o caso do TRE-SC. Caderno de Gestão Pública e Cidadania, v. 21, n. 69, p. 86-102, 2016.

MACHADO, M.; SOUSA, M.; ROCHA, V.; ISIDRO, A. Innovation in judicial services: a study of innovation models in labor courts. Innovation and Management Review, v. 15, n. 2, p. 155-173, 2018.

MENELAU, S.; VIEIRA, A. F. B. R.; FERNANDES, A. S. A. Inovação em Serviços de Segurança Pública no Brasil: Facilitadores e Barreiras à inovação nos Postos Comunitários de Segurança Pública. Revista Brasileira de Políticas Públicas e Internacionais, v. 1, n. 1, p. 24-48, 2016.

MONTEZANO, L.; ISIDRO, A. Proposta de modelo multinı́vel de competências para gestão pública inovadora. Future Studies Research Journal: Trends and Strategies, v. 12, n. 2, p. 355-378, 2020.

MONTEZANO, L.; ISIDRO, A.; LA FALCE, J. L.; SANO, H. Antecedentes das dimensões da gestão pública inovadora brasileira: competências de equipes e individuais. Teoria e Prática em Administração, v. 12, n. 2, p. 1-15, 2022.

MONTEZANO, L.; PAULUCIO, F. F.; COCENTINO, L. G. B.; MEDEIROS, J. A. D. M. Modelo de avaliação de inovações tecnológicas no setor público: estudo de casos da utilização de aplicativos em diferentes áreas da perícia criminal. Encontro Brasileiro de Administração Pública, p. 1-15, 2022.

OECD – Organização para a cooperação e desenvolvimento econômico. Manual de Oslo: diretrizes para a coleta e interpretação de dados sobre inovação tecnológica. 3. ed. Finep – tradução para o português, 2005.

ONGARO, E.; GONG, T.; JING, Y. Public administration, context and innovation: a framework of analysis. Public Administration and Development, v. 41, p. 4-11, 2021.

PANNIS, A. C.; ISIDRO, A. S. F.; CARNEIRO, D. K. O.; MONTEZANO, L., RESENDE JUNIOR, P. C.; SANO, H. Inovação em compras públicas: atividades e resultados no caso do robô ALICE da Controladoria-Geral da União. Cadernos Gestão Pública e Cidadania, v. 27, n. 86, p. 1-19, 2022.

PLONSKI, G. Bases para um movimento pela inovação tecnológica no Brasil. São Paulo em Pespectiva, v. 19, n. 1, p. 25-33, 2015.

PRATAMA, A. The landscape of public service innovation in Indonesia. A comprehensive analysis of its characteristic and trend. Innovation and Management Review, v. 17, n. 1, p. 25-40, 2019.

ROGERS, E. M. Diffusion of innovations. Simon and Schuster, 2010.

SALDANHA, C. C. T.; CRUZ, M. V. G. Organizações do trabalho nas dinâmicas de inovação: evidências na administração pública. Cadernos Gestão Pública e Cidadania, v. 27, n. 86, p. 1-17, 2022.

SILVA, M. G. V.; RIBAS, J. A. N; MESA, M. L. F. G. Inovação nas organizações públicas: analise das inovações premiadas pela ENAP. Desenvolvimento em Questão, v. 46, p. 74-87, 2019.

SILVA, D.; SILVA, C. Inovações tecnológicas: um estudo do processo de produção de carteira de identidade de Paranaiba-MS. Resvista eletrônica Gestão e Serviços, v. 09, n. 02, p. 2413-2431, 2018.

SOUZA, M. M.; GUIMARÃES, T. A. Recursos, inovação e desempenho em tribunais do trabalho no Brasil. Revista de Administração Pública, v. 52, n. 3, p. 486-506, 2018.

SOUZA NETO, R. A.; DIAS, G. F.; SANO, H.; MEDEIROS, R. B. A. S. Antecedentes da inovação no setor público brasileiro: um estudo em um núcleo de inovação tecnológica. Cadernos Gestão Pública e Cidadania, v. 24, n. 79, p. 1-21, 2019.

SUCUPIRA, G.; SAAB, F.; DEMO, G.; BERMEJO, P. H. Innovation in public administration: itineraries of Brazilian scientific production and new research possibilities. Innovation & Management Review, v. 16, n. 1, p. 72-90, 2019.

TONELLI, D.; MOREIRA, S.; MESQUITA, I.; SILVA, S.; SILVA E VASQUEZ, M. Uma proposta de modelo analítico para a inovação na gestão pública. Revista Serviço Público, v. 67, p. 59-84, 2016.

VELHO, J. A; GEISER, G. C.; ESPINDULA, A. Ciências Forenses: Uma introdução às principais áreas da criminalística moderna. In: VELHO, J. et al. (Org.). Ciências Forenses: Uma introdução às principais áreas da Criminalística Moderna. 4. ed. Campinas: LMillennium, 001-016, 2021.

VRIES, H.; BEKKERS, V.; TUMMERS, L. Innovation in the public sector: a sys¬tematic review and future research agenda. Public Administration, v. 94, n. 1, p. 146-166, 2016.

WU, A.; YAN, Y.; VIAS, L. Public sector innovation, e-government, and anticorruption in China and India: Insights from civil servants. Australian Journal of Public Administration, v. 79, p. 370-385, 2020.