POLÍCIA FEDERAL: função vertebradora, combate à corrupção e os desvios de conduta policial

Carlos Frederico Portella Santos Ribeiro, Joselito de Araujo Sousa, Nelson Levy Kneip de Freitas Macedo, Siegrid Guillaumon Dechandt

Resumo


Resumo: O artigo aborda, de forma teórica, a função vertebradora da Polícia Federal no enfrentamento à corrupção, iniciando pelo enfrentamento a casos envolvendo seus próprios servidores. Foi feito levantamento junto à CGU de dados de punições de servidores públicos federais por corrupção e outras causas. Foi feita também análise de notícias publicadas em jornais de grande circulação a respeito de prisões de policiais federais por corrupção, como
fenômeno decorrente do combate à corrupção interna. Os resultados  comparativos mostram a rigidez muito maior com que a Polícia Federal trata os casos de corrupção interna em relação aos demais órgãos do Poder Executivo Federal, tendo sido expulsos, no período compreendido entre 2003 a 2019, oito vezes mais servidores do Poder Executivo federal, por envolvimento em casos de corrupção, em relação à média geral.


Palavras-chave


Corrupção, função vertebradora, Polícia Federal brasileira, servidor público

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.31412%2Frbcp.v12i5.620

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.

e-ISSN: 2318-6917 || p-ISSN: 2178-0013 || ISSN-L: 2178-0013

                                                                                                          ANP Editora     OAI PMH Metadata (Open Archives)